segunda-feira, 26 de julho de 2021

Candidatos a chefe-geral da Embrapa Suínos e Aves participam de audiências públicas nesta quarta

Os dois candidatos que concorrem ao cargo de chefe-geral da Embrapa Suínos e Aves participam de audiências públicas nesta quarta-feira, dia 28, quando apresentam seus planos de trabalho. As audiências serão transmitidas ao vivo pelo canal da Embrapa no YouTube. O primeiro candidato a apresentar seu plano de trabalho será o pesquisador Arlei Coldebella, a partir das 13h30. Coldebella, de 47 anos, está na Embrapa Suínos e Aves desde 2002. Formado em Medicina Veterinária pela Universidade Federal do Paraná - Campus Palotina, tem mestrado em Estatística e Experimentação Agronômica pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/Universidade de São Paulo (Esalq/USP) e doutorado em Ciência Animal e Pastagens pela mesma instituição. Sua principal área de atuação é em probabilidade e estatística aplicada, com ênfase no planejamento e análise de estudos e experimentos com suínos, frangos de corte e poedeiras. O segundo candidato a apresentar seu plano de trabalho será o pesquisador Everton Krabbe, a partir das 15h30. Krabbe, de 50 anos, está na Embrapa Suínos e Aves desde 2011. Formado em Agronomia pela Universidade Federal de Santa Maria, tem mestrado em Zootecnia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e doutorado em Zootecnia pela mesma instituição. Suas principais áreas de atuação são em produção animal, qualidade de alimentos, nutrição e meio ambiente. Cada um dos candidatos terá 60 minutos para apresentar seu plano de trabalho, seguidos de 30 minutos para responder aos questionamentos do público. As audiências serão coordenadas pelo chefe do Gabinete da Presidência da Embrapa, Ruy Fontes, e acompanhadas pelo assessor da Presidência, Ramon Menezes. Conforme as normas, apenas empregados do quadro efetivo da Embrapa podem participar da seleção para chefe-geral. Para terem as candidaturas homologadas, os dois candidatos tiveram que apresentar, além do plano de trabalho contendo a proposta de ação para gerenciar a Embrapa Suínos e Aves, um memorial descritivo com intenções, experiência profissional e motivos da candidatura ao centro de pesquisa. Após as audiências, os candidatos serão entrevistados pela Diretoria-Executiva da Embrapa até 19 de agosto. A divulgação da escolha do novo chefe-geral ocorre, no máximo, até 24 de agosto, e a designação do novo gestor pelo presidente da Embrapa será anunciada até o dia 27 de agosto. Desde agosto de 2014, a Embrapa Suínos e Aves é chefiada pela pesquisadora Janice Zanella, com os chefes-adjuntos Airton Kunz (Pesquisa e Desenvolvimento), Marcelo Miele e Cassio Wilbert (Transferência de Tecnologia) e Armando Lopes do Amaral (Administração).

Nenhum comentário:

Postar um comentário