segunda-feira, 30 de agosto de 2021

NordesteLAB promove programação online e gratuita exaltando trajetórias do audiovisual nordestino e discutindo aspectos de mercado

Entre os dias 25 e 27 de agosto, quarta a sexta-feira, o NordesteLAB, maior evento do mercado audiovisual fora do eixo Rio-São Paulo, realiza três dias de atividades online e gratuitas, em mesas que promovem diferentes enquadramentos sobre o cenário audiovisual contemporâneo no Brasil, com foco nas obras e experiências de profissionais do audiovisual nordestino. A programação de encontros poderá ser acompanhada pelo YouTube do evento (www.youtube.com/NordesteLAB). Detalhes sobre as mesas e debates também podem ser acessados no site oficial da plataforma de articulação audiovisual: www.nordestelab.com.br. A mesa de abertura acontecerá no dia 25 de agosto, quarta-feira, às 10h, sob o título “Cenários para a Retomada”, homenageando os 25 anos de lançamento de “Corisco & Dadá (1996)” e “Baile Perfumado (1996)”, e os 20 anos de “Três Histórias da Bahia (2001). Por isso, o evento conta com as presenças do cineasta Rosemberg Cariry, diretor de “Corisco & Dadá”, Paulo Caldas, codiretor de “Baile Perfurmado”, e Sylvia Abreu, produtora executiva do filme “Três Histórias da Bahia” (2001). Este é o primeiro movimento de três mesas que vão reverenciar processos de criação e trajetórias no audiovisual nordestino. Em cada uma delas, serão apresentadas diferentes vivências e olhares sobre o setor. “Em meio a uma tentativa de apagamento histórico e artístico que estamos vivendo, através de um abandono das políticas de fomento para as artes no país, celebrar e reverenciar nossa história e nossa memória vivas é um processo fundamental para nos reconhecermos enquanto classe artística e como parte de uma história que sempre foi marcada por lutas e desafios”, afirma André Araújo, que divide a coordenação geral do NordesteLAB com Gabriel Pires. À tarde, às 15h deste mesmo dia, acontecerá a transmissão da mesa “Marcos regulatórios e fomento ao audiovisual”, que apresentará e discutirá experiências relacionadas com a criação de marcos regulatórios voltados para o fomento ao setor audiovisual. A lista de convidados conta com Indaiá Freire, da Fundação Cultural do Pará; Luciana Poncioni, da Coordenação de Audiovisual na Secretaria de Cultura de Pernambuco; Guillermina Villalba, da Diretoria de Audiovisual da Secretaria Nacional de Cultura do Paraguai; e Silvia Botero, representante do Proimágenes (Colômbia), instituição responsável pelo fomento ao audiovisual colombiano. A mediação será de Cibele Amaral, da Conexão Centro-Oeste, Norte e Nordeste (Conne). Encerrando o dia, das 19h às 21h, será realizada a mesa “Adaptação, desenvolvimento de projetos e mercado”. Nos últimos anos, diversas iniciativas foram criadas com o objetivo de aprimorar e ampliar a atuação de roteiristas no mercado audiovisual e apresentar diferentes oportunidades com o desenvolvimento de projeto e de negócios com áreas correlatas. Essa mesa apresentará iniciativas que contribuem com a profissionalização do setor. Participam do debate Carol Assis, da SSA Adapta Lab | Bocapiu Conteúdos Criativos; Marton Olympio, da Festa Literária das Periferias (Flup); e Marilia Nogueira - Cabíria | Festival & Prêmio de Roteiro. A mediação fica por conta de Lidiana Reis, do Sapi | Panaceia Filmes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário