quarta-feira, 1 de setembro de 2021

Embrapa Cocais implanta hortas comunitárias e pedagógicas na região metropolitana de São Luís e em Alcântara

A agricultura urbana e periurbana vem sendo praticada no Brasil e no mundo para melhorar indicadores sociais, econômicos e ambientais das cidades. Com esse objetivo, a Embrapa Cocais está implantando - em parceria com as Secretarias Municipais de Agricultura, Pesca e Abastecimento, de Educação, Serviço Social do Comércio - SESC e organizações formais - hortas pedagógicas (em escolas) e comunitárias (em associações locais) durante os meses de agosto e setembro em São Luís-MA, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa (municípios da Grande Ilha) e em Alcântara. A iniciativa faz parte de convênio assinado com o Ministério da Cidadania no âmbito do Programa Nacional de Agricultura Urbana e Periurbana. As hortas comunitárias estão sendo implantadas na União Beneficente dos Moradores do Rio Cachorros (São Luís), Comunidade Terapêutica do Maranhão (São José de Ribamar), Associação dos Trabalhadores e Produtores da Mata (São José de Ribamar), Associação dos Agricultores Familiar da Vila Residencial Nova Canaã (Paço do Lumiar), Associação dos Pequenos Produtores de Itapeua e comunidade vizinhas (Raposa). Já as hortas Pedagógicas, na Casa Familiar Rural Quebra Pote (São Luís), Escola Municipal Liceu Ribamarense II (São José de Ribamar) e Unidade Integrada Presidente John Kennedy (Alcaâtara). A iniciativa faz parte de convênio assinado com o Ministério da Cidadania no âmbito do Programa Nacional de Agricultura Urbana e Periurbana. Para ler a matéria na íntegra, clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário